CENTRAL DE ATENDIMENTO: (21) 3237-9200 ou pelos números de WhatsApp (21) 98471.9800 ou 98471.9801.  |  contato@ibol.com.br.  |  INTRANET  |  INÍCIO  |  

IBOL - Instituto Brasileiro de Oftalmologia

Qualidade Internacional

O IBOL se prepara para, em dezembro, receber comitiva da ACSA, instituição europeia responsável pelo selo de Acreditação espanhol e presente em Portugal e no Brasil e que avaliará a qualidade dos serviços de saúde oferecidos pela Instituição.

Criada em 2002, a Agencia de Calidad Sanitaria de Andalucia (ACSA) já certificou cerca de 1 mil centros e unidades, cerca de 15 mil profissionais e mais de 45 mil treinamentos continuados. É uma das poucas metodologias de Acreditação que possui os três selos de Acreditação da International Society for Quality in Healthcare: Acreditação da Organização, dos Manuais e do Modelo de Treinamento dos Avaliadores.

E para abordar este assunto, a reunião científica do IBOL, no mês de outubro, contou com Dr. André Maia, membro do Comitê Técnico, Evelyn Menezes, coordenadora de Qualidade do IBOL, e Emerson Lemos, responsável pelo Setor de Segurança do Trabalho.

Inicialmente, Emerson falou sobre as ações que a Instituição vem implementando, há alguns anos, para segurança dos pacientes e funcionários, incluindo a constituição de uma brigada de incêndio, organização sistemática de simulados de incêndio, com plano para situações de emergência.

Hoje, o IBOL possui esquema bem definido com atribuições para equipes médicas e de enfermagem, além de outros funcionários. Cada um dos andares, possui brigadistas que são treinados periodicamente, tendo o último simulado ocorrido em setembro deste ano.

Em seguida, a coordenadora de Qualidade do IBOL, Evelyn Menezes, fez um breve relato sobre a conquista do selo de Acreditação Nacional que o IBOL possui desde 2016. Desde então, o IBOL tem sido reavaliado e recertificado em seu selo nacional de Acreditação ONA 2 Pleno, que significa a gestão integrada de processos.

A Acreditação internacional, segundo Evelyn, representa um novo desafio na cultura de melhoria contínua, na qualidade e segurança da assistência prestada aos clientes internos e externos, promovendo assim a satisfação do cliente.

Por fim, Dr. André Maia falou sobre a visão holística que o IBOL procura oferecer e como todos os profissionais devem estar alinhados junto aos protocolos de qualidade e segurança.

“Importante lembrarmos que nós, médicos, somos o ponto focal para resolver a patologia do paciente, mas no final o paciente quer ter mais do que seu problema resolvido. Ele deseja ser bem atendido.” Ele ressaltou que essa forma humanizada, preconizada pelo IBOL, aliada à excelência têm se refletido no índice de satisfação dos pacientes, finalizou Dr. Maia.


© 2019 IBOL - A cópia deste conteúdo está autorizada, desde que citada a fonte.