CENTRAL DE ATENDIMENTO: (21) 3237-9200  |  CONTATO@IBOL.COM.BR  |  INTRANET  |  INÍCIO  |  

IBOL - Instituto Brasileiro de Oftalmologia

Novidades em cirurgia de estrabismo em crianças e adultos

Novas tecnologias para os casos de estrabismo em crianças e a importância da acurácia das medidas oculares com o equipamento de Tomografia de Coerência Óptica (OCT) em cirurgias de estrabismo em adultos foram os temas abordados na reunião científica do IBOL, no mês de junho. A palestra foi proferida pela Dra. Julia Rossetto, PhD pela Escola Paulista de Medicina, médica do IBOL e do Instituto Fernandes Figueira, da Fiocruz.

O estrabismo é quando os olhos não se alinham e cada um aponta para uma direção. Em sua palestra, a Dra. Rossetto descreveu o uso do OCT, um equipamento não invasivo, de alta resolução, que permite a análise detalhada de estruturas da retina e que auxilia no estudo das camadas de fibras nervosas e do nervo óptico, sendo útil na avaliação de várias doenças e nas indicações cirúrgicas de estrabismo, pois consegue medir a musculatura ocular.

O estrabismo nos adultos, segundo a Dra. Rossetto, é uma característica cada vez mais reconhecida e acomete pacientes com histórico de outras cirurgias como glaucoma ou mesmo de cirurgias anteriores de estrabismo. Ela ressalta que o planejamento para uma nova cirurgia é essencial para um bom resultado.

Nas crianças, a Dra. Rossetto explicou que o exame se dá de forma rápida e, muitas vezes, em bebês bem pequenos e sem sedação. São registradas imagens em vídeos e, nessas captações se consegue, além de selecionar as melhores fotos, tirar dúvidas em imagens com reflexo. “Na minha opinião, acho que podemos explorar mais o uso desse equipamento em estudos de casos de retinopatia da prematuridade, no acompanhamento desses casos e de outras lesões”, afirmou.


 


© 2017 IBOL - A cópia deste conteúdo está autorizada, desde que citada a fonte.